Toyota Corolla: Ligar/desligar os máximos manualmente

Toyota Corolla / Condução / Toyota Safety Sense / Luz Automática de Máximos / Ligar/desligar os máximos manualmente

Mudar para médios

Puxe a alavanca para a posição original.

O indicador da Luz Automática de Máximos apaga-se.

Empurre a alavanca para a frente para voltar a ativar o sistema de Luz Automática de Máximos.

Mudar para médios

Mudar para máximos

Rode o interruptor da luz para a posição  .

O indicador da Luz Automática de Máximos apaga-se e o indicador de máximos acende.

Mudar para máximos

Condições para ligar ou desligar o sistema automático de máximos

Quando todas as condições seguintes são reunidas, a luz de máximos será ligada automaticamente (após 1 segundo aproximadamente):

  • A velocidade do veículo é de aproximadamente 40 km/h ou superior.
  • A área à frente do veículo está escura.
  • Não há veículos à frente com os faróis ou as luzes de presença ligados.
  • Há pouca iluminação pública na estrada à frente.

Se qualquer das seguintes condições for cumprida, a luz de máximos será desligada automaticamente;

  • A velocidade do veículo é inferior a aproximadamente 30 km/h.
  • A área à frente do veículo não está escura.
  • Os veículos à frente têm os faróis ou as luzes de presença ligados.
  • Há muita iluminação pública na estrada à frente.

Informação do sensor de deteção da frente

As luzes de máximos podem não desligar automaticamente nas seguintes situações:

  • Quando os veículos à frente surgem de repente, numa curva
  • Quando outro veículo se atravessa à frente do seu
  • Quando os veículos à frente estão ocultos devido a curvas sucessivas, separadores ou árvores na estrada
  • Quando os veículos à frente surgem da faixa de rodagem mais longe numa estrada larga
  • Quando os veículos à frente não têm luzes

As luzes de máximos podem desligar se for detetado um veículo à frente a utilizar as luzes de nevoeiro, sem usar os máximos.

As luzes das casas, da rua, a luz vermelha dos semáforos e dos cartazes ou sinais luminosos, podem fazer com que as luzes de máximos mudem para médios, ou manter os médios ligados.

Os seguintes fatores podem afetar o tempo necessário para ligar ou desligar as luzes de máximos.

  • O brilho dos faróis, luzes de nevoeiro e luzes de presença dos veículos à frente
  • O movimento e a direção dos veículos à frente
  • Quando um veículo à frente só tem luzes operacionais de um lado
  • Quando um veículo à frente é um veículo de duas rodas
  • O estado da estrada (declives, curvas, estado da superfície da estrada, etc.)
  • O número de passageiros e a quantidade de bagagem

As luzes de máximos podem ser ligadas ou desligadas de forma inesperada.

Bicicletas ou objetos semelhantes podem não ser detetados.

Nas situações abaixo, o sistema pode não ser capaz de detetar corretamente os níveis de luminosidade circundante. Isso pode fazer com que as luzes de médios fiquem ligadas ou que as luzes de máximos causem problemas aos pedestres, veículos à frente ou a terceiros. Nestes casos, altere entre máximos e médios, manualmente.

  • Com mau tempo (chuva, neve, nevoeiro, tempestades de areia, etc.)
  • O para-brisas está obscurecido pelo nevoeiro, neblina, gelo, sujidade, etc.
  • O para-brisas está rachado ou danificado.
  • O sensor da frente está deformado ou sujo.
  • A temperatura do sensor da frente é extremamente alta.
  • Os níveis de luminosidade circundante são iguais aos dos faróis, luzes de presença ou luzes de nevoeiro.
  • Os veículos à frente têm os faróis desligados, sujos, estão a mudar de cor ou não foram projetados de forma adequada.
  • Quando conduz através duma zona onde haja alternância entre luz e escuridão.
  • Quando conduz frequente e repetidamente em estradas ascendentes/ descendentes, ou estradas com superfícies ásperas, acidentadas ou irregulares (como estradas de paralelos, trilhos de cascalho, etc.).
  • Quando conduz frequente e repetidamente em estradas com curvas ou sinuosas.
  • Existe um objeto altamente refletor à frente do veículo, tal como um sinal ou um espelho.
  • A traseira do veículo que o precede tem muito reflexo, tal como um contentor num camião.
  • Os faróis do veículo estão danificados ou sujos ou não foram projetados devidamente.
  • O veículo está a inclinar-se ou a pender, devido a um pneu furado, a um reboque de atrelado, etc.
  • Os médios e máximos são trocados de um modo anormal.
  • O condutor supõe que a luz de máximos pode estar a causar problemas ou dificuldades a outros condutores ou pedestres nas proximidades.
    Veja também:

    Hyundai i30. Avaria do sistema
    Quando surge a mensagem de aviso "Verifique o sistema", isso significa que o sistema não está a funcionar devidamente. Neste caso, recomendamos que o veículo seja examina ...

    Peugeot 308. Ajuda ao arranque em zona inclinada
    Sistema que mantém o veículo imobilizado por um curto espaço de tempo (cerca de 2 segundos) aquando de um arranque numa zona inclinada, o tempo suficiente para passar do pedal de travão para o ...

    Modelos



    © 2017 Todos os direitos reservados