Renault Fluence: Cintos de segurança

Renault Fluence / Conheça o seu veículo / Cintos de segurança

Para garantir a sua segurança, utilize o cinto em todos os seus deslocamentos.

Além disso, você deve cumprir a legislação local do país onde estiver.

Para um bom funcionamento dos cintos traseiros, garanta o travamento correto do banco traseiro.

Consulte o parágrafo "Banco traseiro: funcionalidades" capítulo 3.

Cintos de segurança mal ajustados ou torcidos podem causar graves lesões em caso de acidente.

Utilize cada cinto de segurança somente para uma pessoa, seja criança ou adulto.

Mesmo mulheres grávidas devem usar o cinto de segurança. Neste caso, é necessário tomar cuidado para que a correia do cinto não exerça uma pressão muito forte sobre a parte inferior do ventre, mas sim que tenha uma folga suplementar.

Antes de dar a partida, execute a regulagem da posição de condução e ajuste o cinto de segurança de todos os ocupantes para garantir a maior proteção.

Regulagem da posição de condução

  • Apoie-se contra o encosto de seu banco (depois de ter tirado a jaqueta ou casaco...). É importante para o posicionamento correto das costas;
  • Regule o avanço do banco em função dos pedais. Seu banco deverá estar o mais para trás que for possível, mas ainda em posição que permita pisar até o fundo no pedal de embreagem. O encosto deve ser ajustado de maneira que os braços fiquem ligeiramente encolhidos;
  • regule a posição do apoio de cabeça. Para que a segurança seja máxima, a distância entre sua cabeça e o apoio de cabeça deve ser a menor possível;
  • regule a altura do banco. Esta regulagem permite otimizar a visão durante a condução;
  • regule a posição do volante.

Ajuste dos cintos de segurança

Ajuste dos cintos de segurança

Apoie-se contra o encosto.

A parte do cinto que toca o tórax 1 deverá estar o mais perto possível da base do pescoço, mas sem chegar a tocá-lo.

O cinto de segurança 2 deverá estar colocado plano sobre as coxas e próximo ao quadril.

O cinto deve permanecer tão diretamente quanto possível sobre o corpo.

Por ex.: evite roupas muito grossas, objetos intercalados...

Afivelar

Afivelar

Desenrole a cinta lentamente e sem puxões, e garanta que o gancho se encaixe 3 na presilha 5 (verifique se está bem afivelado puxando o gancho 3).

Caso a cinta trave ao puxar, deixe que ela se recolha com folga e desenrole novamente.

Caso o cinto fique completamente travado, puxe lentamente, mas com firmeza, para que a cinta saia aproximadamente 3 cm. Permita que ela se recolha por si própria e, em seguida, desenrole novamente.

Se o problema persistir, consulte uma Oficina Autorizada.

Desafivelar

Pressione o botão 4, o cinto é recolhido pelo enrolador. Acompanhe esse movimento.

Luz indicadora de alerta do cinto de segurança do motorista não afivelado.

Aparecerá um indicador luminoso na tela central ao se dar partida no motor e, em seguida, se o cinto não estiver afivelado e o veículo alcançar uma velocidade de aproximadamente 20 km/h, piscará e se ouvirá um sinal durante aproximadamente dois minutos.

Observação: um objeto colocado sobre o banco do passageiro poderá ativar, em certos casos, o indicador de alerta.

Regulagem de altura do cinto de segurança dianteiro

Regulagem de altura do cinto de segurança dianteiro

Utilize o botão 6 para regular a altura do cinto de forma que a cinta do tórax 1 fique posicionada como foi indicado anteriormente:

  • para abaixar o cinto, pressione o botão 6 e abaixe o cinto simultaneamente;
  • para levantar o cinto, pressione o botão 6 e suba o cinto simultaneamente.

Assim que executar a regulagem, garanta que ele esteja bem afivelado.

As informações a seguir dizem respeito aos cintos dianteiros e traseiros do veículo.

  • Não deve ser efetuada nenhuma modificação nos elementos do sistema de retenção montados originalmente: cintos, bancos e respectivas fixações. Para os casos particulares (como instalação de um banco para crianças) consulte uma Oficina Autorizada.
  • Não utilize nenhum dispositivo que possa introduzir folgas nos cintos (exemplos: fechos de roupas, clips...): um cinto de segurança muito solto pode provocar lesões em caso de acidente.
  • Nunca use o cinto de segurança por baixo do braço ou atrás das costas.
  • Não utilize o mesmo cinto para mais de uma pessoa e nunca segure uma criança ou bebê em seu colo com seu próprio cinto.
  • O cinto não deve estar torcido.
  • Após um acidente, verifique se é necessário substituir os cintos. Além disso, substitua os cintos que apresentarem sinais de desgaste.
  • Ao colocar o banco traseiro, garanta a colocação correta do cinto de segurança para seu funcionamento adequado.
  • Insira o gancho do cinto na presilha adequada.
  • Certifique-se de que não exista nenhum objeto próximo da presilha de afivelar o cinto que possa impedir seu funcionamento correto.
    Veja também:

    Renault Fluence. Alarme
    O alarme serve para sinalizar tentativas de abertura forçada (violação) das portas e do porta-malas. Ativação Para ativar o alarme, é preciso que todas a ...

    Hyundai i30. Substituição das luzes interiores
    Luz do techo Se a luz LED não funcionar, dirija-se a um concessionário HYUNDAI para resolver o problema. Luzes de leitura de mapas, de habitáculo, do espelho de conveni&ec ...

    Modelos



    © 2017 Todos os direitos reservados